Nova entrevista para a Big Issue Magazine / Autor: Yolle

Daniel Radcliffe está na capa da Big Issue (Reino Unido) dessa semana (16/09) com o título “A Ascenção de Dan”. Abaixo pode-se ler uma parte da entrevista na qual ele fala sobre política, Donald Trump, conhecer Jeremy Corbyn e mais.

Sobre Jeremy Corbyn:

“Na única entrevista causal que vi com Jeremy Corbyn, ele fala sobre seu jardim comunitário e sobre fazer geleia,” disse Radcliffe, “então ele me lembrou de um jeito amoroso do meu professor de Inglês, que foi alguém que eu gostei muito – ele achou um caminho rápido pro meu coração!”

Crobyn tem uma política energizante, ele acrescenta.

“É incrível. É muito bom ter pessoas felizes por alguém. Parece ser porque estão felizes pela sinceridade. Acho que de repente percebemos que estamos acostumados com políticos mentindo. Mesmo quando estão sendo sinceros, parece tão ensaiado que é difícil acreditar.

“Sinto como se esse show de sinceridade de um homem que já está a tanto tempo por aí e apegado as suas crenças por tanto tempo que ele conhece e não precisa ser ensaiado é o que faz as pessoas sentarem e ficarem felizes. Isso é ótimo.”

Depois de dar apoio a Corby, ele estaria apoiando outro radicalista, Donald Trump, em sua busca pela Casa Branca?

“Hahaha. Não. NÃO!” disse Radcliffe, antes de compartilhar sua teoria de conspiração política preferida.

“Eu não gosto muito de teorias da conspiração, mas a minha preferida recentemente é a de que Donald Trump é uma falsa bandeira para a campanha de Hillary Clinton,” disse Radcliffe. “Se Trump estivesse trabalhando secretamente para Clinton para ajudá-la a ganhar, o que ele faria de diferente? Ele está estimulando o lado tolo de direita dos Republicanos, enquanto afasta os moderados. E se ele não conseguir se nominar, vai concorrer independente e dividir os votos. Além disso, sua filha é melhor amiga de Chelsea Clinton. Tudo faz sentido.”

Sobre quando ele conheceu Donald Trump no Today Show quando promovia seu primeiro filme de Harry Potter.

“Ele disse uma coisa super típica de Donald Trump. Eu não tinha participado de muitos programas ao vivo antes disso. Trump estava antes de mim, e quando ele saiu, alguém achou que seria legal apresenta-lo para o garoto de Harry Potter. Eu disse a ele que estava nervoso porque não sabia sobre o que falar. Ele apenas disse, de uma maneira muito charmosa – e eu quero dizer isso mesmo – ‘Você apenas diga a eles que conheceu o Sr. Trump!’ E devo ter dito isso mesmo.”

Via – Daniel Radcliffe Holland








2011 - 2016   DanielRadcliffe.Com.Br